Por Que Você Precisa de Uma Filtragem Adequada na Frente de Suas Válvulas de Controle?

Filtragem Adequada na Frente de Suas Válvulas de Controle

Muitas pessoas já devem ter ouvido o termo válvula de controle, mesmo que não saiba exatamente o que faz. 

E para aqueles que cuidam de sistemas hidráulicos, você provavelmente trabalha intimamente com essas peças, não é verdade?

Contudo, você sabia que, se não estiver usando uma filtragem adequada em frente às referidas válvulas de controle, provavelmente estará fazendo um desserviço à sua operação?

Por isso, para provar este argumento, vamos examinar com precisão o que são válvulas de controle e como elas funcionam e, em seguida, analisar por que você deve ter uma filtragem adequada na sua.

O que é uma válvula de controle e como funciona?

Uma válvula de controle é usada para manipular (ou controlar, daí o nome) condições como fluxo, temperatura da pressão e nível de um determinado líquido. 

Elas fazem isso abrindo e fechando total ou parcialmente em resposta a sinais de controladores que comparam um “ponto de ajuste” a uma “variável de processo” cujo valor é fornecido por sensores que monitoram alterações. 

Geralmente elas abrem e fecham automaticamente por posicionadores que o fazem com base em sinais. 

Uma válvula de controle é composta por três partes principais: atuador da válvula, posicionador e corpo.

Então, por que preciso de filtragem?

A filtragem adequada evita que as válvulas de controle fiquem com defeito e falhem. A sujeira pode fazer com que peças da válvula se quebrem ou se alojem na válvula. 

Quando isso ocorre, afeta a eficiência da válvula, pois muitas vezes é incapaz de abrir e fechar adequadamente, e é exatamente isso que ela foi projetada para fazer. 

Portanto, é essencial que você mantenha seu fluido limpo para que não danifique sua válvula de controle. Se/quando isso acontecer, isso lhe custará muito: desde o tempo de inatividade do seu equipamento até a correção das peças depois que elas quebram.

Sendo assim, você precisa de filtros hidráulicos na frente da sua válvula de controle, pois partículas duras (e macias) encontram seu caminho no óleo. 

Água e géis são considerados contaminantes, pois afetam a viscosidade, mas, neste caso, refere-se a coisas que podem ser fisicamente filtradas do seu óleo. Se você não estiver filtrando esses contaminantes, estará colocando toda a sua operação em risco. 

O tamanho não importa

Mesmo a menor das partículas (aquelas que você não pode ver a olho nu) pode causar grandes danos às suas válvulas de controle. 

Por exemplo, um fio de cabelo tem entre 60 e 120 micrômetros de diâmetro. Partículas que estão contaminando seu óleo (amianto, ferrugem, sedimentos, sujeira, entre outros) são tão pequenos quanto. Ou seja, é incrivelmente pequeno, mas pode causar um grande problema.

Nesse caso, o tamanho realmente não importa, porque embora esses micrômetros de contaminação sejam pequenos, eles podem ser mortais para a sua operação. 

Portanto, se você deseja ajudar a proteger e preservar seu sistema, é altamente recomendável instalar uma filtragem adequada na frente de suas válvulas de controle.

Como fazer o divórcio? – Perguntas e Respostas

O divórcio é um assunto que frequentemente gera dúvidas e deixa as pessoas apreensivas. Isso porque é um momento importante na vida de quem o deseja fazer.

Por isso, separamos algumas das perguntas mais comuns sobre o tema e respondemos para você.

Entender como funciona o processo é fundamental para que as coisas aconteçam da forma mais tranquila possível.

Por isso, se você tem interesse nesse assunto, continue lendo o material que preparamos para você!

Como fazer o divórcio

O que é o divórcio?

Basicamente, o divórcio é o procedimento legal através do qual ocorre um rompimento definitivo do casamento civil. Ou seja, quando duas pessoas pretendem romper os vínculos do casamento, elas devem procurar pelo divórcio.

Quais são os tipos de divórcio?

Uma vez que o casal tenha decidido se divorciar, existem algumas maneiras através das quais é possível realizar esse procedimento. Vejamos:

Divórcio Extrajudicial:

É uma maneira mais simplificada de divórcio, feita em cartório, perante um tabelião, sem necessidade de ação judicial. Trata-se de um modo mais rápido e menos custoso. No entanto, é preciso atender alguns requisitos:

  • Ser consensual;

  • Não deve haver gravidez;

  • Não deve envolver filhos menores de idade ou incapazes;

  • Presença de um advogado.

Para mais detalhes sobre esse tipo de procedimento, recomendamos a leitura do post sobre Divórcio Extrajudicial.

Divórcio Consensual Judicial

Caso ambas as partes optarem pelo divórcio porém, os requisitos mencionados acima não forem cumpridos, é preciso entrar com ação judicial para efetuar o divórcio.

Trata-se de um processo simples, que deve ser acompanhado por advogado, recomendado no caso de presença de filhos menores ou incapazes e gravidez.

Divórcio Litigioso Judicial

Esse tipo de divórcio ocorre quando não há consenso entre as partes acerca da finalização do vínculo do casamento ou sobre questões complexas, tais como:

  • Divisão de bens;

  • Pensão alimentícia;

  • Guarda de filhos.

Nesse caso, será necessária a ação de um juiz para anunciar a sentença e determinar os termos do divórcio. Portanto, a parte que der entrada no pedido será nomeada autor da ação, enquanto o outro cônjuge será o réu.

Como fazer o divórcio?

Uma vez que um ou os dois cônjuges optam por findar o casamento, é necessário acionar um advogado, separar os documentos necessários e decidir qual será a maneira pela qual a ação acontecerá.

Como já dissemos, em algumas situações o divórcio poderá ser realizado em cartório. Caso contrário, será necessário mover uma ação judicial.

Quais são os documentos necessários?

O advogado poderá ajudar com a lista necessária de documentos. Inclusive, ela pode variar de acordo com a localidade e instituição na qual é realizada. No entanto, a documentação exigida na maior parte dos casos é:

  • Certidão de casamento atualizada;

  • Documentos dos cônjuges;

  • Documentos dos filhos, se houver;

  • Comprovante de residência;

  • Documentos de bens e imóveis.

O divórcio demora muito?

O tempo de duração de um divórcio vai depender do seu tipo e das questões que o envolvem. No caso do extrajudicial, por exemplo, tudo pode ser resolvido no mesmo dia ou em, no máximo, 3 dias.

No entanto, se houver questões especiais como guarda de filho e pensão, mesmo que consensual, o processo pode se estender por um pouco mais de tempo, não devendo ultrapassar 3 meses.

Já em divórcios litigiosos, o processo pode se estender por até dois anos, em média.

Quanto custa se divorciar?

Novamente, os custos envolvidos no divórcio vão depender da maneira com que ele será feito.

Devem ser levados em conta os gastos administrativos, como as taxas do cartório ou taxas judiciais, bem como os honorários do advogado que acompanhará o caso e eventuais impostos.

Como funciona a divisão de bens e guarda dos filhos?

É comum que durante o casamento os cônjuges construam uma vida juntos e adquiram bens. Porém, como ocorre a divisão desses bens no momento do divórcio?

Bem, a divisão ocorrerá de acordo com a partilha celebrada no momento do casamento. Ou seja, quando o casal se casa é adotado um regime de partilhas de bens que deverá ser cumprido quando o casamento chega ao fim.

Vejamos a seguir, portanto, alguns exemplos de regimes de partilhas de bens:

  • Comunhão Parcial de Bens – os bens adquiridos durante o casamento serão divididos em partes iguais entre os cônjuges;

  • Comunhão Universal de Bens – todos os bens do casal, adquiridos antes ou durante o matrimônio, serão divididos em partes iguais entre os cônjuges;

  • Separação Total de Bens – cada bem pertence ao seu respectivo cônjuge exclusivamente. Ou seja, cada parte fica com seu próprio patrimônio.

Bom, esse é apenas um resumo de como funciona os regimes de bens, para entender de forma definitiva como funciona os regimes de bens, recomendo a leitura deste artigo sobre regime de bens, além de ser completo, o artigo tem uma linguagem simplificada.

Como ficam os filhos?

Se o casal possui filhos menores de idade ou incapazes, será preciso pensar no sistema de guarda, bem como na pensão alimentícia que lhes é de direito.

A guarda dos filhos em caso de divórcio pode acontecer de duas maneiras:

  • Guarda unilateral – os filhos ficam com apenas um dos pais e ao outro genitor, cabe o sistema de visitas.

  • Guarda compartilhada – ambos os pais possuem a guarda dos filhos e devem manejar a rotina para que as responsabilidades de ambos genitores sejam iguais.

Além disso, pode ser estabelecido o pagamento de pensão alimentícia aos filhos com o objetivo de contribuir nos custos de sobrevivência da criança ou jovem.

Portanto, uma das partes deverá pagar mensalmente um valor estipulado. Possuem direito à pensão alimentícia os filhos:

  • Menores de 18 anos;

  • Menores de 24 anos que estejam matriculados em instituição de ensino regular (escola, universidade, etc).

Também é possível o pagamento de pensão alimentícia ao cônjuge no caso de impossibilidade de renda.

Conclusão

Em resumo, nesse artigo vimos um pouco mais sobre o que é o divórcio e como ele funciona.

Existem, portanto, 3 formas básicas de prosseguir com a finalização de um casamento, sejam elas:

  • Extrajudicial;

  • Judicial Consensual;

  • Judicial Litigiosa.

Além disso, comentamos sobre como dar entrada no processo de divórcio e quais são os documentos necessários.

Por fim, abordamos a questão de que quando um casamento envolve bens e filhos, será necessário pensar em regimes de partilha de bens, guardas de filhos e pensão alimentícia.

Se você quer saber um pouco mais sobre o tema, leia este guia completo sobre Divórcio onde o assunto é abordado de forma detalhada e com uma linguagem simples.

Este artigo foi útil para você? Deixe seu comentário e compartilhe com seus amigos nas redes sociais.

Os Cachorro Vira-Lata Podem Ter as Mesmas Características de Cães de Raça?

Um laboratório nos Estados Unidos da América faz exame D.N.A de seres humanos e cães com o objetivo de saber qual a origem do D.N.A analisada, em relação aos cães é considerado padrões que foram estabelecidos desde o século XVII, quando pesquisadores começaram a separar características que resultaram em padrões de raça utilizados até hoje [ Veja! Postagem Sobre Publicação da Revista Superinteressante- Blog do Meu Querido Vira-Lata].  

Todo brasileiro já deve ter tido um vira-lata, e muitas vezes percebemos que nossos cãezinhos são muito parecidos com cães de raça, com pelos macios como os poodles ou pequinês, é comum também os cães vira-latas ter olhos claros como o Husky Siberiano, o conjunto de todas as características de determinada raça faz com que os cães se aproximem mais do parentesco com os cães de raça.

 Porém mesmo com muitas das características de cães de determinada raça os padrões do pedigree ainda consideram o parentesco pais, mães e avós importantes para a emissão da comprovação de determinada raça. 

filho cachorro vira lata

O que é levado em consideração ao analisar o DNA dos cães? 

Para se obter o pedigree do animal um fator ainda muito importante é o parentesco, mesmo que o cão apresente características de determinada raça a sua origem genealógica ou parentesco deve ser considerados para se obter o pedigree. 

O exame de D.N.A para saber qual a raça do cachorro pode ser realizada em duas ocasiões para se obter uma certeza do parentesco ou como no caso do laboratório nos Estados Unidos da América por simples curiosidade para saber a origem do cachorro. 

No Brasil é comum a realização do exame D.N.A em cães quando a dúvidas sobre o parentesco do cachorro, desta maneira confirmada todas as características de determinada raça é possível confirmar que o cão faz parte de uma ninhada de cães de determinada raça.

Quais outras possibilidades para o exame de DNA? 

O exame DNA também determina a presença de gens como o do nanismo [Veja! Postagem Raças Determinadas Por Gens- Blog do Meu Querido Vira- Lata], cientistas acreditam que a busca por cachorros pequenos tenha alimentado este gen que não é mais bem visto pelos criadores. 

No passado não era possível saber porque um cachorro era pequeno, na atualidade já é possível através do exame DNA saber se um cão é pequeno porque apresenta genoma da raça ou se esta é uma característica, por isso o genoma do cão anão não é mais aceito pelos criadores. 

Os cães que apresentam genoma de cães anãos não podem ser considerados toys ou mines, são cães pequenos, também como a presença deste genoma pode causar anomalias é aconselhável que o cão com o genoma anão de uma ninhada seja castrado para não apresentarem problemas nos filhotes.  

Conheça! Blog do Meu Querido Vira-Lata

Montar um negócio de Limpeza

Se você chegou a esse conteúdo, acredito que tenha acendido a chama do empreendedorismo em você. Esse é um sonho de grande parte dos brasileiros, superando até mesmo o sonho de ter a casa própria.

Ter sua liberdade, construir algo seu, ter um propósito maior, são algumas das justificativas para se abrir um negócio. E aqui, vamos dar algumas dicas de como montar um negócio especificamente de limpeza, um ramo que cresce cada vez mais.

Plano de negócios

Assim como qualquer negócio, é preciso se ter um plano de negócios. Mas não se engane, já foi o tempo de elaborar um plano de negócios complexos, com diversas páginas de estudo. O mundo muda cada vez mais rápido, e os modelos de negócios também.

Mas nem por isso, não deva ter um planejamento. Estudar o mercado, ter definido a persona, produtos, proposta de valor, concorrentes e etc, ainda é fundamental para minimizar os riscos, pois eliminá-los nunca será possível.

Produtos e serviços

Tanto o produto quanto o serviço, devem ter um olhar principal do empreendedor. Ter produtos de alta qualidade, como também serviços excelentes, são a prova de valor para o seu negócio. Ele alavancará quanto mais valor você trouxer para o cliente. 

Equipamentos de limpeza

Se você for trabalhar com produtos, equipamentos de limpeza profissional, saber comprar na quantidade certa, valor certo, é tão importante quanto o preço que irá vender. Em comércio, isso costuma fazer enorme diferença competitiva, principalmente porque seus concorrentes além do físico (se você ter uma loja) como também o online, aumentará essa pressão devido a tantas ofertas ao consumidor, que terá a liberdade escolher, e aqui você concorre com muitos player grandes, desde marketplaces até a lojinha ao seu lado.

Serviços de limpeza

Se o seu modelo for serviços, a qualidade de entrega, tempo, atendimento e outros fatores de serviços, serão o que irá ditar o sucesso do seu negócio. Da mesma forma que os produtos de qualidade fazem a diferença no modelo de comércio, aqui os conhecimentos e qualidade do profissional farão a diferença. Obs: Não que em comércio, os profissionais não precisem ter qualidade. Todos os negócios são feitos por pessoas!

Planejamento e controle financeiro

Muitos negócios quebram devido a negligência nessa área. Uma área fundamental, pois o controle de receita e custos, é o monitoramento da saúde da sua empresa. Então há vários problemas que acontecem, como:

  • Misturar conta pessoal com Jurídica
  • Não segurar os custos 
  • Gerenciamento ausente
  • Comprometimento do seu fluxo de caixa

Há diversos outros. Mas o importante é ter um controle a mão de ferro, e estar bem próximo para cortar gastos desnecessários e que possam comprometer a lucratividade do negócio.

Investir em marketing

Aqui está uma das áreas mais importantes da empresa. Toda empresa deve focar nisso, marketing e vendas. Sem isso, não há crescimento de negócio. Destinar um % do seu faturamento para o marketing, é investir no seu crescimento e conquista de novos clientes.

Aqui você pode trabalhar tanto marketing online quanto ações offline, o importante é você conseguir enxergar onde está os seus clientes, e atacar este canal.

Assim, como o mundo mudou, os negócios mudaram, a presença do consumidor no ambiente de compra também mudaram, por isso, ter a sua presença online é fundamental para estar conectado a eles.

Benefícios de ter um cartão de crédito

Benefícios de ter um cartão de crédito

Os cartões de crédito são hoje em dia uma ferramenta útil e importante para qualquer um. Entre as muitas vantagens de um cartão de crédito não estão apenas a possibilidade de ter dinheiro em qualquer lugar, mas também, de encontrar programas de pontos interessantes, condições de financiamento de crédito e até mesmo alguns seguros.

As vantagens de ter um cartão de crédito

Pagamentos em até 30 dias e parcelado

Em geral, a vantagem mais marcante de um cartão de crédito é como o próprio nome sugere, a possibilidade de administrar despesas e ter dinheiro como crédito. Ou seja, é possível realizar o pagamento de suas compras mesmo sem ter dinheiro, pois todas as compras feitas serão cobradas na fatura que será cobrada no mês seguinte, aprenda neste link como consultar saldo, limite ou fatura do Cartão Calcard.

Há também a opção de personalizar os pagamentos dividindo-os em termos diferentes (com ou sem juros). É, portanto, uma ferramenta para financiar e gerenciar pagamentos. Em suma, a flexibilidade de um cartão de crédito pode aliviar um grande esforço financeiro ou facilitar o pagamento de grandes quantias em parcelas.

A maneira de demonstrar à instituição financeira que todos os requisitos são atendidos é fornecer as seguintes informações: documento de identidade oficial e comprovante de renda regular.

Poder viajar sem se preocupar

Com um cartão de crédito, a credora do mesmo pode operar em silêncio. Em primeira instância, uma infinidade de comércio de todo o mundo aceita essa forma de pagamento. Dependendo do cartão adquirido é possível realizar compras pela internet, usá-lo em viagens realizadas em países no exterior ou até mesmo pelos estados do Brasil, ou seja, não é preciso ter dinheiro em espécie no bolso para comprar produtos e serviços.

Disponibilidade de saque do crédito

Mesmo assim, se você precisar de dinheiro, poderá sacar dinheiro a crédito de quase todos os caixas eletrônicos do mundo, embora, isso possa envolver o pagamento de comissões por troca de moeda.

Pagamento mínimo

Essa opção é destinada para o pagamento mínimo do valor de sua fatura. O que isso significa?

Quando a divida acaba ficando maior do que esperamos pode acontecer de não termos o valor total da fatura para pagamento, com a opção de pagamento mínimo podemos quitar parte do valor que estamos devendo e pagar o restante em próximas faturas, no entanto, há um acréscimo de juros ou taxas que serão cobradas.

Programas de fidelidade

Cada credora trabalha com um tipo de fidelidade diferente, mas a maioria delas oferece os programas de pontos. Ao realizar suas compras em lojas parceiras você pode acumular pontos para adquirir produtos, descontos, trocar por serviços como recarga de celular ou até mesmo adquirir milhas que podem ser utilizadas na compra de passagens aéreas. Basta entrar em contato com a credora do seu cartão para saber qual programa ela disponibiliza para seus clientes.

Aumento de crédito

Realizando o pagamento de suas contas em dia, você melhora a avaliação de crédito em seu nome. O que será bem visto por outras empresas e pode até mesmo aumentar o valor de crédito em seu cartão.

Pronto, esperamos ter te ajudado a compreender melhor os benefícios de ter um cartão de crédito, mas lembre-se, o uso do mesmo deve ser feito sempre com responsabilidade, pois assim como eles podem facilitar sua vida, a cobrança de juros por falta de pagamento ou atrasos também podem causar grandes preocupações ao usuário.

Conheça melhor a aposentadoria especial

Conheça melhor a aposentadoria especial

Uma das melhores maneiras de receber um benefício diferenciado é através da aposentadoria especial, no entanto, consegui-la pode proporcionar uma série de dor de cabeça, devido às exigências necessárias para consentimento da mesma.

Saiba o que é a aposentadoria especial e como identificar se pode receber esse benefício.

Aposentadoria especial

A aposentadoria especial é um benefício do INSS pago a trabalhadores que foram expostos em seu trabalho por agentes químicos, biológicos ou físicos, os quais prejudicam a saúde humana.

Como funciona a aposentadoria especial?

Agentes nocivos

Os agentes nocivos à saúde são considerados para conseguir o benefício. De acordo com a lei, os agentes químicos (arsênio, cromo, benzeno, iodo), físicos que incluem ruídos, calor, frio, elasticidade, ar comprimido e outros, mais os biológicos que incluem fungo, bactérbebeia e vírus, são de alto risco.

Se comprovada a exposição a pelo menos algum desses agentes que são nocivos à saúde, você tem o direito de se aposentar com 15, 20 ou 25 anos de exercício da profissão, desde que tenha cumprido a carência mínima de 180 contribuições no INSS. No entanto, a maior porcentagem de aposentadoria especial nessa categoria é a partir dos 25 anos de trabalho.

Podemos citar como exemplo de profissão que consegue o benefício com apenas 15 anos contribuindo com a Previdência, os profissionais que trabalham na linha de frente nas minerações subterrâneas.

O tempo também é menor para mineradores subterrâneos longe da produção e que tenham sido expostos ao agente químico amianto, estes conseguem se aposentar com 20 anos de contribuição.

Tempo de contribuição

Mesmo que não se tenha cumprido a contribuição dos anos necessária (15, 20 ou 25), o trabalhador tem a possibilidade de realizar a conversão do tempo da atividade especial em atividades comuns.

O trabalhador pode ter exercido até duas atividades que sejam convertidas para garantir seu benefício. Para isso é feito um cálculo através da tabela realizada pelo governo, o site “consultameuinss.com.br” reúne muitas informações úteis sobre o INSS.

Como saber se tenho direito a esse benefício?

Até o ano de 1995, segundo decretado por lei, há uma lista de profissões que se enquadram na aposentadoria especial.

  • Profissionais da Saúde
  • Forneiro, Metalúrgico, Soldador, Alimentador Caldeira, entre outros nesse segmento
  • Vigilante, Bombeiro, Guarda e Vigia
  • Frentista que trabalha em posto de gasolina
  • Motoristas de ônibus e tratores, além de cobradores do transporte público
  • Entre outros.

No entanto, é preciso comprovar a exposição. Deve ter em mãos um documento feito pelo médico do trabalho ou engenheiro, realizado através do LTCAT (Laudo Técnico das Condições Ambientais de Trabalho).

Valor da aposentadoria especial

Após comprovar sua categoria no INSS, o trabalhador pode realizar a solicitação do seu benefício. Desde o ano de 1994 essa categoria tem a média de 80% dos maiores salários da aposentadoria para contribuintes.

No entanto, assim como as diversas categorias de aposentadoria, não é possível ultrapassar o teto que é de R$ 5.839,45.

 

Ainda resta alguma duvida quanto ao benefício especial? Aproveite o espaço abaixo e deixe seu comentário, ficaremos felizes em ajudar!!!

O que fazer um Coach de Carreira?

O coaching de carreira ( Não confunda com Coaching de Relacionamento)  pode beneficiar pessoas em todas as fases de suas vidas profissionais – especialmente os jovens, pois fornece uma orientação valiosa que os servirá pelo resto de suas vidas profissionais. No entanto, a maioria das pessoas não sabe realmente o que está envolvido no processo de coaching. O gerente de coaching da TwoPointZero, Lee Sunlay, dá a ela uma visão sobre o que você deve procurar e o que você deve esperar quando trabalha com um coach de carreira.

Decidir se o coaching de carreira é certo para você pode ser uma decisão difícil de tomar. Com base em meus mais de 10 anos de experiência na indústria, eu diria que na maioria dos casos, essa hesitação geralmente se resume a uma falta de compreensão sobre o que realmente fazemos e como podemos ajudar.

Para lhe dar algumas dicas, deixe-me começar com quem são nossos clientes.

Pessoas que procuram serviços de coaching de carreira vêm de todos os tipos de situações e origens; no entanto, os clientes com quem trabalhamos na TwoPointZero estão tentando entrar no mercado de trabalho pela primeira vez ou estão nos estágios iniciais de suas carreiras.

Cada pessoa é diferente, mas todas estão procurando a mesma coisa: ajuda e orientação para encontrar um emprego satisfatório para o qual querem sair da cama.

Encontrar um bom ajuste 

Quando você entra em contato com um coach de carreira, normalmente é solicitado que você compareça a uma reunião inicial para discutir suas necessidades e expectativas. Vale a pena gastar algum tempo antes de considerar o que você espera alcançar, mas se você não tiver certeza, tudo bem – o coach de carreira pode ajudá-lo a descobrir isso.

Esta primeira sessão é o momento perfeito para você descobrir um pouco mais sobre o negócio de coaching de carreira e como eles funcionam, e para ambos decidirem se você é um bom ajuste um para o outro. Os coaches de carreira tendem a se especializar em uma determinada área e tipo de cliente, portanto, certifique-se de discutir seu histórico e verificar suas credenciais para ajudar pessoas com as mesmas necessidades que você.

É muito importante, nesta fase, que você se pergunte: eu me sinto à vontade para falar abertamente com essa pessoa? Ter um bom relacionamento, e encontrar alguém que seja compreensivo com suas necessidades e situação, não apenas o tornará mais agradável, mas também o encorajará a se abrir, tornando o processo mais proveitoso.

O que está envolvido?

A principal coisa a entender sobre coaching de carreira é que não é um caso do coach simplesmente dizer o que você deve fazer. Em vez disso, é um processo colaborativo que envolve trabalhar em conjunto com o coach para obter mais informações sobre você e suas aspirações, para que você possa discutir as opções disponíveis, trabalhar em suas habilidades e tomar decisões de carreira mais informadas.

Como o caminho e o progresso de todos são diferentes, o que é abordado em cada sessão varia. Na TwoPointZero oferecemos aos nossos clientes uma variedade de programas para que eles possam escolher o nível de ajuda que necessitam. Em seguida, adaptamos o foco das sessões, dependendo do estágio da jornada em que estão.

Por exemplo, se um cliente não tiver certeza do que deseja fazer, o foco seria a autodescoberta. Trabalhamos para descobrir que tipo de pessoa ela é, quais são suas habilidades e que tipo de trabalho são atraídos, fazendo perguntas e fazendo com que realizem testes psicométricos relevantes.

A partir daqui, restringiríamos uma lista de ocupações, levá-las a pensar sobre o caminho que gostariam de seguir e depois ajudá-las a decidir se suas escolhas se alinham com quem são. Também tentamos olhar para as futuras perspectivas de emprego de uma indústria ou ocupação, para que eles possam começar a entender como esse trabalho pode ser no futuro e quais oportunidades podem surgir.

Por outro lado, se um cliente já sabe o que quer fazer, mas não possui todas as habilidades necessárias para encontrar um emprego, trabalhamos com ele de maneiras mais práticas. Isso pode envolver a identificação de potenciais empregadores ea construção de um plano de busca de emprego, ajudando-os a melhorar seu currículo ou perfil no LinkedIn, trabalhando com eles para refinar sua técnica de entrevista e apoiá-los em sua jornada de busca de emprego.

 O resultado

Para realmente tirar o máximo proveito do coaching de carreira, você precisará de mais de uma sessão. Na TwoPointZero, recomendamos que você tenha pelo menos quatro pessoas para que possamos realmente discutir e explorar todas as suas opções e equipá-lo com o conhecimento para ajudá-lo a continuar sua jornada.

O que você obtém da experiência dependerá, em última análise, do que você buscou e da quantidade de esforço que você investiu. As sessões podem ser desafiadoras e você deve estar preparado para responder a perguntas sobre si mesmo e participar de uma série. de tarefas e atividades, mas o esforço é definitivamente vale a pena.

Se você sair simplesmente sabendo mais sobre a direção que você quer tomar ou você sair com vagas em perspectiva no pipeline, vendo um treinador de carreira pode ter um impacto muito positivo sobre a satisfação que você ganha do trabalho, agora e no futuro.

Olhando para obter sua carreira no caminho certo? Entre em contato com TwoPointZero hoje .

Estudo de caso:

Faça um estudo de caso para você ver o papel do Coaching, se imagina agora começando uma loja online, imagine que é uma loja de camiseta evangelica, agora você tem que estudar como começar esse negocio, em um mercado onde tem Mercado Livre, Elo7.

É aí que o Coaching entra.

Omnichannel: como sua empresa pode se beneficiar com ele?

Omnichannel

Quando o assunto é varejo, é comum que se pense em loja física como um universo distante ou oposto ao de loja virtual. Mas o surgimento do sistema omnichannel foi capaz de desmentir essa presunção mostrando todo o potencial ao unir o melhor dos dois mundos.

Omnichannel é, portanto, uma forma de integração entre todos os canais de venda – sejam físicos ou virtuais – no intuito de transformar o processo de compra em uma experiência otimizada para o cliente.

O conceito de omnichannel propõe não apenas quebrar as barreiras entre físico e digital, ele também objetiva que esses sistemas de varejo trabalhem juntos e em prol de oferecer o melhor para o consumidor.

Ainda que o sistema omnichannel não seja novidade no mercado varejista internacional, no Brasil ele ainda vive um processo mais lento de adesão. Porém, isso não significa que não hajam tecnologias e mecanismos para investir neste modelo de varejo no cenário brasileiro.

Levando em consideração que o futuro aponta para um sistema de vendas totalmente integrado e focado nos interesses e particularidades dos clientes, investir no omnichannel é sair na frente da concorrência e posicionar sua marca como autoridade no meio de atuação.

Foi pensando nisso que preparamos este artigo para você, que tem interesse em implementar o conceito de omnichannel à sua marca. Entenda na prática como funciona e garanta também o crescimento de seu negócio!

Afinal, como funciona o varejo omnichannel?

Você já entendeu o conceito de varejo omnichannel, mas ainda tem dúvidas sobre como ele funciona na prática? É mais simples do que parece:

Você pesquisa na internet os preços de um tênis de corrida, considera os melhores para sua necessidade e acaba gostando de uma opção que está com uma boa oferta em uma loja online. Mesmo assim, ainda não está certo sobre consumar o ato da compra.

Lembrando que a empresa em questão possui também uma loja física no shopping próximo à sua casa, você decide ir até lá para verificar e experimentar o tênis. Você experimenta, gosta do produto e decide comprar, mas leva em consideração que no site e no app ele está mais barato.

Então efetua a compra em seu celular, via app, e ao escolher a forma de entrega, opta por retirar na loja física. Assim você pode escolher a data e em qual loja retirar o tênis, tornando o processo de compra o mais cômodo e adaptado possível.

Ou então você se interessa por um produto ofertado através do Instagram da marca. Aproveita e tira suas dúvidas com uma atendente via mensagens, que o orienta sobre os detalhes do produto de interesse, e você acaba efetuando a compra.

Porém, na chegada do produto você descobre que deveria ter comprado um tamanho maior. Então antes de entrar em pânico sobre o processo de devolução, lembra que pode fazer a troca diretamente na loja física da marca. Parece incrível, não é?

Esses são só alguns exemplos objetivos de varejos aplicando o modelo omnichannel. Existem inúmeras outras possibilidades e situações que tornam a experiência do consumidor muito mais prática e aperfeiçoada às necessidades do mesmo.

Ao integrar todos os canais, as marcas oferecem um atendimento otimizado e personalizado para cada cliente. Além, é claro, de atingirem a ampliação da atuação como marca, fidelização da clientela e conquista de novos clientes.

Se você, varejista, tem interesse em consolidar sua marca, é imprescindível investir não só em multicanais de venda (app, redes sociais, sites, lojas físicas), mas em multicanais de vendas integrados e convergidos. Ou seja, que trabalhem juntos!

Ainda que a experiência do cliente seja central neste modelo de varejo, o retorno financeiro e de conceito para a marca são consequências inevitáveis. Portanto, reestruturar e replanejar seu negócio para omnichannel é garantir o crescimento do mesmo.

E aí, convencido a investir no modelo omnichannel? Deixe um comentário nos contando sobre suas impressões e experiências sobre essa tendência!

Artigo escrito por nosso convidado Nelson Willian, Cofundador da Agência WnWeb – www.wnweb.com.br. Desenvolvedor front-end, especialista em SEO, marketing digital e e-commerce. Atua na área desde 2011 e ama tudo isso e ainda plataforma open-source ;). Gostar de contribuir em fóruns, grupos de Facebook e com vídeos no youtube entre no meu canal YouTube.

Quando será o pagamento do décimo terceiro INSS

Decimo terceiro INSS

Muita gente faz vários planos durante todo o ano esperando o tão merecido 13º salário e a falta de certeza em relação à data de disponibilização desse benefício é um problema.

Naturalmente, as pessoas gostam de se planejar: seja para viagem, pagamento de contas, dívidas ou até a adesão de algum produto.

É muito comum o governo antecipar um valor referente ao 13º salário, a chamada gratificação natalina, para quem recebe benefícios ligados ao INSS, o Instituto Nacional do Seguro Social.

A responsabilidade pela liberação do valor é do Presidente Jair Bolsonaro. Em 2018, por exemplo, o ex-presidente Michel Temer assinou o decreto e o publicou no Diário Oficial da União no final do mês de julho.

Previsão do pagamento: primeira parcela do 13º INSS

Quando sera o pagamento do decimo terceiro INSS

Ao que tudo indica a previsão de pagamento da primeira parcela do décimo terceiro para os segurados do INSS é a partir do mês de agosto.

Já é tradição o valor começar a creditado na conta dos titulares dos benefícios no mês de agosto para que os beneficiários possam aproveitar.

Fique sempre atento às datas, já que um valor a mais na conta faz toda a diferença para qualquer um nos dias de hoje.

Quem tem direito a receber o 13º no INSS?

Todos os aposentados e pensionistas do INSS possuem o direito a receber a primeira parcela do décimo terceiro. Qualquer um que recebe o benefício previdenciário deverá receber o valor em duas parcelas.

Vale lembrar que só estão excluídos desta lista os beneficiários do BPC/LOAS, pago a deficientes e maiores de 65 anos de baixa renda. Por serem benefícios assistências, estes não pagam décimo terceiro salário.

Segunda parcela: quando será pago o décimo terceiro do INSS?

A segunda parte do benefício deve ser paga no mês de novembro, como aconteceu nos anos anteriores. Vale lembrar que quem paga o Imposto de Renda terá o valor descontado na segunda parcela.

Ou seja, para quem tem esse desconto, a primeira parcela deverá ser maior que a segunda, por estar livre de descontos.

Esse valor, conhecido como uma gratificação natalina é bem tradicional no Brasil e ficou conhecido por muitos como uma forma do Governo de garantir que os trabalhadores e segurados terminem o ano no azul, com um pouco mais de fartura, sem dívidas.

Com isso, siga sempre de olho em empréstimos e nos gastos com o cartão de crédito, a fim de evitar que o seu benefício seja descontado, reduzindo o seu bem estar.

O governo realmente pagará o 13º salário em 2019?

Sabe-se que o Brasil está se recuperando de uma crise, mas é aguardado que o Governo mantenha o compromisso e não atrase o benefício, já que desde o ano de 2006, isso vem acontecendo pontualmente.

Em 2015, o pagamento da primeira parcela foi adiado para setembro, mas mesmo assim, não houve um calote desse valor.

Vale lembrar que o valor é sempre proporcional aos seus recebimentos no ano. Ou seja, se você tem menos de um mês recebendo o benefício, o sistema vai calcular o valor sempre relacionado ao seu primeiro recebimento.

Se forem nove meses, você não receberá um valor salarial integral, mas o seu salário, dividido por 12 meses vezes 9.

Quem recebe os auxílios acidente e reclusão também possuem direito de recebimento do décimo terceiro.

Dicas para uso da energia elétrica de forma segura e sem desperdícios

Um dos recursos naturais mais desperdiçados é a energia elétrica. Esse fato decorre das instalações inadequadas e mal executadas, além do uso inconsciente. Seguir algumas dicas para uso de energia elétrica de forma segura e sem desperdícios torna-se tão essencial para economizar nas faturas e preservar o meio ambiente, quanto pagar suas contas em dia e correr atrás da segunda via da Eletropaulo (ENEL SP) ou outra fornecedora de energia se necessário.

Dicas para uso da energia elétrica de forma segura e sem desperdícios (1)

Mais do que economizar dinheiro é entender que os cuidados ao utilizar ou evitar desperdícios, é importante para a segurança pessoal e preservação dos recursos naturais.

Pensando nisso, preparamos esse artigo com dicas sobre quais ações você deve adotar para que o seu consumo de energia elétrica se de forma segura e sem desperdícios!

Energia elétrica: Segurança e consciência

Além de seguir as dicas para evitar o desperdício de energia elétrica, que resultam em um valor alto nas contas que chegam todo mês, é importante se atentar e utilizar esse recurso de maneira segura para evitar acidentes ou perder eletrodomésticos.

É muito importante realizar avaliações periódicas sobre as instalações internas de sua casa ou apartamento, pois os fios pelos quais passam a corrente elétrica precisam ser capazes de suportá-las, sua espessura também deve ser levada em consideração.

Caso a fiação do seu imóvel esteja instalada de forma inadequada e os fios estejam antigos ou possuam uma má qualidade, você esta sujeito a casos de superaquecimento, algo que desenvolve o aumento de consumo da energia, trás riscos de curto circuito e incêndios, além de contribuir para aumentar de forma considerável o valor na conta de energia elétrica mensal.

Quando as instalações elétricas são mais antigas é comum que as mesmas precisem ser refeitas, por conta das más condições, a fim de evitar maiores prejuízos. Nesse caso, contratar um profissional qualificado será um ótimo investimento, além de proporcionar segurança.

Dicas para economizar energia elétrica

Freezer e geladeiras

  • Evite abrir suas portas sem necessidades e não as deixem abertas por um longo período de tempo;
  • Evite forrar as prateleiras de sua geladeira com materiais como plásticos e outros, pois essa cobertura dificulta a passagem interna de ar e força o eletrodoméstico, que, por sua vez, consome mais energia;
  • Procure realizar o degelo da geladeira de forma periódica, pesquise como deve ser feito no manual da mesma, isso ajuda a evitar camadas espessas de gelo.

Chuveiros

  • Reduza a demora nos banhos;
  • Desligue o chuveiro ao se ensaboar;
  • No calor evite usar a chave quente do chuveiro que consome mais energia.

Aparelhos de TV e Lâmpadas

  • Se ninguém estiver prestando atenção, desligue-a;
  • Não durma com o aparelho ligado, ajuste a sua programação “sleep” no controle remoto para o mesmo desligar a TV automaticamente no tempo determinado.
  • Não acenda as lâmpadas durante o dia, basta abrir as janelas da casa para aproveitar a luz do dia;
  • Se não estiver usando o cômodo, mesmo que esteja de noite, mantenha as lâmpadas desligadas;
  • Pinte a parte interna da sua casa com tintas claras, pois elas refletem a luz do dia e ajuda a diminuir a necessidade de luzes acesas.

Ferro de passar

  • Passe suas roupas de uma única vez, acumule as peças para realizar o trabalho poucas vezes e economizar energia;
  • Evite os horários de pico, nos quais muitos aparelhos eletrônicos estejam ligados, pois congestiona a rede e aumenta o consumo;
  • Quando o aparelho estiver ligado passe as peças mais difíceis, quando desligá-lo passe as roupas mais finas e simples.

Ar-condicionado

  • Desligue o aparelho quando o ambiente não estiver ocupado e determine um horário para que o mesmo seja utilizado;
  • Mantenha os filtros do ar-condicionado limpos para não prejudicar a passagem e circulação do ar, evitando um maior consumo de energia elétrica;
  • Deixe portas e janelas fechadas quando ligar o aparelho.

Viu como detalhes que não envolvem muito esforço podem gerar uma grande economia? Gostou das nossas dicas? Então aproveite e compartilhe nas redes sociais, ajude seus amigos a economizar!